Quarta-feira, 26 de Outubro de 2011

Puta bem paga!

Puta bem paga!

 

Fode-lhe! Fode-lhe com mais vontade!!! Isso puta, fode-lhe bem!!! Fode-lhe bem, que ele pagou muita massa para que lhe fodesses bem. Não descanses, não hesites que ele quer-te em grande em cima dele, a dares umas boas cavalgadas. Agradam-me os vossos corpos, que apesar de não serem um casal, unem-se que é uma beleza, embora seja só quando ele paga, mas só quando paga e bem, e quando ele não paga manda-o foder com as portas, ou tocar flauta de bolso. Por isso. Fode-lhe! Fode-lhe com mais vontade!!! Isso puta, fode-lhe bem!!! Peço-te dá-lhe com mais vontade, dá-lhe com tudo, enfia o Zé até ao talo. Os arrepios e a tesão com que ficas enquanto ele brinca contigo com a sua língua, e o seu caralho entrando e saindo da tua bela coninha, provoca uma enorme onda fodástica, de prazer, e de apetite sexual. Não existe amor, nem ternura, nem mimos, mas o prazer, a tesão, e sedução valem por tudo o resto e são enormes quando vocês estão instaladíssimos numa cama, ou num sofá, ou mesmo até nos bancos detrás do carro. Num ápice o quarto fica demasiado quente, com tanta excitação, com tanto entusiasmo, com tanta loucura, que não há nada que lhes quebre aquele momento de foda ultra fantástico. Ele veio-se primeiro, ela veio-se logo a seguir com um minete, e não houve tempo para conversas, para confissões, ou para mais fodas, que a agenda dela é muito preenchida. Quando estes dois fodem, entro numa dimensão superior de tesão e desejo.      

 

Escrito por: Pedro Marques Baresi88

publicado por provoca-me às 12:38
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 14 de Outubro de 2011

Gaja com fome de caralhos

Gaja com fome de caralhos 

 

Gostavas de chupar caralhos, que se viessem para a tua boca, querias que os gajos te fossem servidos de bandeja, agradava-te que te mimassem com os seus caralhos. E eu tinha o prazer de te convidar para vires a minha casa, e fodermos, ou simplesmente para me mamares a pila. Hoje teria imenso prazer que me fizesses um belo broche e que me fizesses vir. Desejo imenso que me fodas a mim e aos teus queridos amigos, e que nos faças um magnífico 69.

 

 

Quero ver-te foder, quero ver-te foder de 4, à canzana, que mames muitos caralhos. Minha maluquinha do caralho. Ah ah ah. Nem imaginas o quanto prazer me dás em ver-te foder-me ou a foderes os outros. Quero que te venhas bem devagarinho minha grande maluca. Nem imaginas o quanto és apetecível, fodível, e o quanto chupas bem. E todo esse prazer, todo junto dá-me o prazer de ter estes pequenos e bons desejos para ti. Com o teu belo desempenho comigo e com os teus amigos. Estou perdido de vontade de te ver foder e de ver fazer grandes broches; que me fodas, que me faças uma grande mamada. Todos os dias anseio por isso, todos os dias fico doido pelas caras de alegria dos teus amigos e pela tesão que me dás.

 

Quero ouvir-te gemer, quero que te venhas, e que largues gritos de prazer. E desejo imenso que chegues ao êxtase sexual. Espero que fiques completamente doida de prazer com o belo sexo que fazemos e com as tuas belas mamadas.  

 

Venho-me de prazer com as fodas que me dás, com os broches que me dás e com a cara radiante com que ficas a cada bico que fazes, ou a cada berlaitada que dás, com toda a sedução e tesão que tens.

 

Sabes lindamente que o teu serviço de língua é bestial e que cavalgas que é uma beleza, como sabes perfeitamente que nos fazes gozar como nunca antes, e que nos deixas radiantes, de caralhos bem tesos e sem respiração de tão bom que é, e que nos deixas mesmo completamente loucos com as tuas valentes cavalgadas e chupadelas nos nossos bem ditos caralhos.

 

Que bom quando te pões de joelhos ou de 4 prontinha para nós, e como recompensa terás uma noite de sexo e terás como sobremesa grandes gelados, o meu e o dos teus amigos preferidos das tuas festas sexuais.

 

Chupa, chupa, fode, fode minha maluca, minha doida. Chupa, chupa, fode, fode minha maluca, minha doida!!!

 

Estou completamente rendido com as tuas fodas, e esporro-me só de pensar nos belos bicos e nas fodas que damos e quando te vejo em acção com os teus amigos. Venho-me só de imaginar a tua boca abocanhar-nos, ou a tua bela Xana pronta para nos receber. Precisamente naquele Monumento esquecido mas que tu tanto gostas. E que nós já lá tivemos grandes festas de prazer e tesão. Ah ah ah. Recordas-te de partilhares comigo que querias um pouco mais agressividade, como rasgar a tua roupa, ou prender-te?!

 Eu fiz o esforço de escolher uns objectos, para que pudesses desfrutar e aproveitares melhor o momento. Uns lenços, umas penas, uns cubos de gelo, para uma pequena torturazinha. Ah ah ah.

 

E nesta noite vamos fazer o favor de te amarrar à cama que está no monumento com uns lenços, vendar-te os olhos, de te rasgar esse top e essa micro-saia e dar-te uma bela foda. Passear a pena pelo teu pescoço, e pelo resto do teu corpo e dar-te umas pequenas palmadas e algumas trincas pelo corpo, passar o cubo de gelo pela tua barriga e pelos bicos das mamas como tanto desejas que te façam. Depois disso vou-te torturar. Vais sofrer um bocadinho, com a tortura de estares amarrada e levares com o gelo, com a pena, os beijos e as carícias pelo corpo. E acabámos por preparar essa ternura para ti. E para terminar tenho uma surpresa especial para ti, que nos vamos deliciar a fazer passar pelo teu belo corpo. Mas não fiques nervosa, nem fiques com medo que não nos esquecemos de nenhuma parte do teu corpo, que nem eu nem eles nos vamos esquecer de nada. Vamos apenas dar-te um enorme prazer e fazer-te vir várias vezes, com estes beijos, estas carícias, e com ajuda destas penas, e destes cubos de gelo.

 

Nem a propósito deixei uma câmara de filmar, para poder gravar todos estes momentos desta festa com este sexo à canzana, e estas belas mamadas. E para mais tarde poderes reviver estes teus tempos de grande tesão, sedução, loucura connosco os teus gajos preferidos e com as nossas bem ditas pilas preferidas.   

 

 

Chupa, chupa, fode, fode minha maluca, minha doida. Chupa, chupa, fode, fode minha maluca, minha doida!!!

 

Escrito por baresi88

publicado por provoca-me às 21:11
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 7 de Outubro de 2011

Convite - Que Prostituição de Rua é Esta?

publicado por provoca-me às 20:47
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 5 de Outubro de 2011

6th Porn Festival in Berlin

http://www.lustfilms.com/blogEn/2011/10/04/6th-porn-film-festival-in-berlin/

publicado por provoca-me às 13:03
link do post | comentar | favorito
|

Chacinada

 

Chacinada

 

Gostavas de comer gajos, que te viessem parar de bandeja, gostavas que te mimassem com os seus caralhos. E eu tinha o prazer de te convidar para vires a minha casa, e fodermos, ou simplesmente para me mamares a pila. Neste momento quero que morras. Quero simplesmente que te fodas, que sofras e que não possas tocar-me, nem tocar nos outros.

 

Quero ver-te sofrer, quero ver-te definhar, quero ver-te morrer. Ah ah ah. Nem sabes o quanto prazer tenho em ver-te assim. Quero que morras lentamente minha grande cabra. O quanto és miserável, faz-me querer ter estes pequenos e bons desejos para ti. Perdi a paciência para o teu egoísmo, para a tua mesquinhice. Todos os dias a mesma merda, todos os dias a dar a cona e a cuspires na cara dos outros.

 

Quero-te massacrar, quero-te ouvir gritar, e berrar de dor, quero que desesperes. Quero que fique a contorcer-te de dor.  

 

Rio-me de prazer com a brancura da tua cara, com o tremer do teu corpo. Ah ah ah.

 

Sabes perfeitamente que quero que morras, sabes mesmo muito bem que quero que sofras, e que morras bem devagarinho, e que fico mesmo triste que depois já não possas cuspir na cara dos gajos e trincares-lhes os seu bem ditos caralhos.

 

Escusas de te por de joelhos que não vais mamar, nem vais trincar de novo. Vais é levar com um ferro quente pela cabeça abaixo.

 

Morre, morre, morre sua puta. Morre, morre, morre caralho de puta de merda.

 

Estou-me completamente a foder para ti, e venho-me só de pensar no sangue que te vai sair pelo corpo depois de te torturar, de te dar com o ferro quente pela cabeça abaixo. Venho-me só de pensar que vais apodrecer nesta sala cinzenta e cheia de mofo. Como tu tanto gostas. Ah ah ah. Lembras-te de me dizeres que odiavas salas cinzentas, escuras e com cheiro a mofo, eu dei-me ao trabalho de escolher uma dessas só para ti, só para que pudesses desfrutar melhor do momento. Ah ah ah.

 

Vou-te fazer o favor de te amarrar a um poste, de te rasgar esse top e essa micro-saia e vou-te foder toda e dar-te umas valentes palmadas e chicotadas, como não gostas que te façam. Depois disso vou-te torturar. Vais sofrer mais um bocadinho que os coitados que ficavam com o caralho com as marcas dos teus dentes. Acabei por preparar essa ternura para ti. No final tenho uma barra de ferro bem quente, que vou ter o prazer de passar pelo teu belo corpo. Mas não te preocupes que não me esqueço dos teus lindos cabelos, que vou arrancá-los todos. Vou-me rir com os teus gritos e com a cor roxa como vai ficar a tua cara e o teu corpo, e o teu sangue a escorrer pelo corpo abaixo.

 

A propósito trouxe uma linda câmara de filmar, para filmar todos este pequeno presente para ti. Para reviveres os teus tempos de glória com os teus homens e que lhes arrancavas os bem ditos caralhos à dentada.    

 

 

Morre, morre, morre sua puta. Morre, morre, morre caralho de puta de merda.

publicado por provoca-me às 00:47
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Eva Plaisir com desejos

. Sexo oral só é pecado “ca...

. Ponto Quê? O Prazer no Fe...

. Eva Plaisir lê o texto Al...

. Orgias Homossexuais no Va...

. Mulher Abandonada

. Entrevista a Lilyanne Blo...

. Beijando

. Interview - Lilyanne Bloo...

. Vinho no corpo de uma mul...

.arquivos

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

páginas pessoais
blogs SAPO

.subscrever feeds